Sesc Thermas do Rock 2016 | Conectados – Blive News

Para celebrar o mês do rock, a programação especial do Sesc Thermas chega à 9° edição consecutiva com shows, oficinas e atividades complementares voltadas ao gênero.

[Assistir BliveTV] – Sesc Thermas do Rock 2016 | Conectados – Blive News

O objetivo é dar acesso ao público de Presidente Prudente e região a bandas e ao movimento artístico que cerca o gênero musical que atravessou seis décadas de sucesso ininterrupto e imensa força histórico-social.

[Confira a programação completa do Thermas do Rock 2016]

DIA 28 (QUINTA) – ERASMO CARLOS + CACHORRO GRANDE
DIA 29 (SEXTA) – FREJAT + JONNATA DOLL & OS GAROTOS SOLVENTES
DIA 30 (SÁBADO) – SEPULTURA + TEST

[Curta e acompanhe o Facebook do Sesc de Prudente]

A BliveTV estará no Sesc cobrindo o maior evento de rock do oeste paulista. Não perca matérias especiais no programa Conectados.

Kid Vinil: “o Dia Mundial do rock só existe no Brasil”

O músico, radialista e ex-VJ KID VINIL, que também estará presente na programação especial do Thermas do Rock 2016, escreveu em sua coluna no Yahoo! alguns anos atrás sobre o Dia Mundial do Rock. Confira abaixo alguns trechos da matéria:

“Foi comemorado o Dia Mundial do Rock aqui no Brasil, mas vocês sabiam que essa data só é celebrada em nosso país? Sim, meus caros, isso foi invenção de brasileiro, graças à frase dita por Phil Collins há 25 anos durante o Live Aid, aquele megaconcerto que aconteceu no dia 13 de julho de 1985 em prol do fim da fome na Etiópia.

[Ouça a Rádio ROCK de Prudente] – Stage Diving Classic Rock

1436831693_kidvinilIdealizado por Bob Geldof, o festival foi transmitido simultaneamente a partir de Londres (Inglaterra) e da Filadélfia (EUA), além de Tóquio (Japão) e Melbourne (Austrália) com shows de The Who, Dire Straits, Led Zeppelin, Madonna, Queen, Joan Baez, David Bowie, BB King, Mick Jagger, Sting, U2, Phil Collins, Eric Clapton, Black Sabbath e Paul McCartney.

O que aconteceu realmente foi que ninguém lá fora levou a sério a ideia de Phil Collins ao decretar dia 13 de julho o Dia Mundial do Rock. Impressionados com o megaevento, duas rádios paulistanas que se intitulavam roqueiras (89 FM e 97FM) resolveram levar em frente o desejo de Phil Collins e anualmente passaram a comemorar a data, que acabou se tornando o Dia Brasileiro do Rock. Mais tarde, essas mesmas rádios tornaram-se “traidoras do movimento” e hoje tocam os batidões e derivados da dance music e entopem suas programações com execuções repetidas daquela musiquinha do Black Eyed Peas e de remixes de Lady Gaga, por exemplo.”

Fonte: Whiplash.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *